“A SÉRIE DIVERGENTE: ASCENDENTE” NÃO SERÁ DIRIGIDO POR ROBERT SCHWENTKE CORRE! ASSISTA AO TRAILER FINAL DE “CONVERGENTE” + PRIMEIROS SPOTS SHAILENE WOODLEY, THEO JAMES E MILES TELLER FALAM SOBRE TERCEIRO FILME EM ENTREVISTA CONFIRA IMAGENS INDIVIDUAIS DOS PERSONAGENS EM “CONVERGENTE” E NOVO PÔSTER DO FILME VEM VER! NOVOS STILLS INCRÍVEIS DE “CONVERGENTE” SÃO DIVULGADOS
15.09 Corre! Primeiro teaser incrível de “Convergente” é divulgado

dbr

E COMEÇOU, INITIATES! A divulgação e correria começou! É muita emoção!

As filmagens de A Série Divergente: Convergente se encerraram relativamente há pouco tempo, mas foi o tempo necessário para termos a PRIMEIRA prévia do filme! Após Divergente e Insurgente, Tris e Quatro continuam lutando em Convergente, assista agora ao teaser INCRÍVEL, no qual conta um pouco mais a história, recapitulando tudo o que já aconteceu, até termos imagens inéditas de todos os personagens/atores do elenco. Estamos tremendo!

First look:

Os capítulos finais da Série Divergente, que seriam chamados Convergente – Parte 1Convergente – Parte 2 ganharam novos nomes! O penúltimo capítulo da saga será nomeado “Convergente” e o último “Ascendente“. E também divulgaram DOIS cartazes. Entenda tudo clicando aqui!

As mudanças sempre acontecem, pois é uma adaptação! E não temos como julgar um filme de duas horas com um pequeno teaser, não é mesmo? Mas estamos muito animados e com vários projetos em mente para todos os fãs.

É só o começo da era Convergente! Em breve mais novidades! Comente o que achou da prévia, pois aqui não está nada bem!


Postado por: Matheus Fabbris //

Allegiant, Convergente


10.09 Divulgados os primeiros cartazes de “Allegiant” e “Ascendant”. Entenda!

Untitled-12 - Copia

E a divulgação começou!

Os capítulos finais da Série Divergente, que seriam chamados Convergente – Parte 1 e Convergente – Parte 2 ganharam novos nomes! O penúltimo capítulo da saga será nomeado “Convergente” e o último “Ascendente“.

Mais curioso que os títulos é a tagline do último filme divulgada: “O fim nunca é o que você espera“, abrindo portas para muitas possibilidades.

ENTENDA MELHOR! 

A MTV divulgou hoje (10) a novidade e nós amamos! Não mudaram os dois nomes! O próximo filme será Allegiant e o último Ascendant! Ao invés de “Allegiant Part 1” e “Allegiant Part 2”. Nacionalizando, os títulos ficam: Convergente e Ascendente. O que acharam? Só o final que NÃO podem mudar, né? Apesar de tudo, manter a essência é importante. O diferencial da trilogia é isso, o final realista.

Significado de Ascendente: que se eleva, que se dirige para cima, que vai progredindo, aumentando, crescendo.

Confira os pôsteres e notem que temos o logo novo já:

FIN01_Allegiant_Tsr_Online-mtv-1441889472 FIN01_Ascendant_Tsr_Online-mtv-1441889469

As frases são “Quebre os limites de seu mundo” e “O fim nunca é o que você espera“.

  • A Série Divergente: Convergente – 17 de março de 2016
  • A Série Divergente: Ascendente – 24 de março de 2017

Postado por: Matheus Fabbris //

Allegiant, Ascendant


20.05 Atriz Nadia Hilker entra para o elenco de “Convergente – Parte 1”

Untitled-12 - Copia

As filmagens do terceiro filme da franquia Divergente se iniciaram oficialmente hoje (20). E para comemorar, parece que temos novidades…

Nadia Hilker acaba de entrar para o time de atores no filme Convergente – Parte 1. Informação confirmada pela Lionsgate.

Porém, ainda não foi divulgado o papel da atriz no longa. Todos nós estamos especulando a Nita. O que acham?

A morena nasceu na Alemanha e é conhecida por ser a protagonista do filme de horror “Spring“. Assista ao trailer:

Lembrando que a primeira parte do filme será gravada separadamente da segunda!

  • A Série Divergente: Convergente PARTE 1 – 18 de Março (2016)
  • A Série Divergente: Convergente PARTE 2 – 24 de Março (2017)

Já estamos ansiosos!


Postado por: Matheus Fabbris //

Allegiant


01.05 Bill Skarsgard fará parte de “Convergente – Parte 1”

Untitled-12 - Copia

E o elenco está aumentando!

Hoje (1), o site The Wrap anunciou o ator Bill Skarsgard no elenco de “Convergente – Parte 1“, terceiro filme da franquia Divergente.

Ainda não foi divulgado o papel do ator no filme, mas já estamos ansiosos!

Bill Skarsgard tem 24 anos e é conhecido por interpretar Roman Godfrey na série Hemlock Grove!

Lembrando que a primeira parte do filme será gravada separadamente da segunda!

  • A Série Divergente: Convergente PARTE 1 – 18 de Março (2016)
  • A Série Divergente: Convergente PARTE 2 – 24 de Março (2017)

Qual personagem vocês acham que seria ideal para o Bill?

CURTA NOSSA FANPAGE NO FACEBOOK

[ATUALIZADO 15/05/2015]

A conta oficial de Divergente no Twitter confirmou o ator Bill Skarsgard como MATTHEW no filme!

Estamos muito animados!

Link permanente da imagem incorporada


Postado por: Matheus Fabbris //

Allegiant


10.03 “Convergente – Parte 1” já tem data prevista para começar a ser filmado

Untitled-12

NOVIDADES! Todd Lieberman, produtor envolvido no projeto, anunciou que as filmagens de Convergente – Parte 1 começarão dia 18 de maio.

Todd está presente na produção do filme “A Bela e a Fera“, que também começará a ser filmado no mesmo dia que Convergente.

Já sabemos que Convergente será dividido em partes 1 e 2, mas Todd conta que o filme terá um visual “mind-blowing”, ou seja, de cair o queixo. Segundo ele, A Série Divergente: Convergente – Parte 1 não irá tão longe na trama, então toda a tensão e drama (quem leu sabe) ficarão guardados para o final de verdade, na Parte 2. Sobre a resolução polêmica, ele declarou: “Às vezes você tem que fazer escolhas ousadas, criativamente falando. Estou sempre a favor disto.

Convergente – Parte 1 será dirigido por Robert Schwentke e chega aos cinemas em março de 2016.

Já estamos ansiosos para o início das gravações!

Fonte


Postado por: Matheus Fabbris //

Allegiant


28.12 Filmagens de Convergente – Parte 1 se iniciam em Abril!

Untitled-12 - Copia

As filmagens de Insurgente (filme lança dia 19/03/15) já terminaram mas o filme ainda não foi todo editado e mesmo assim os produtores não param! O terceiro filme da Série Divergente começará a ser gravado no mês de ABRIL de 2015 em Atlanta, Georgia! A informação foi dada em uma entrevista pelo ator Keiynan Lonsdale, que interpreta o personagem Uriah em Insurgente. Confira:

“Eu acho que o filme começará a ser filmado em Abril. Eu estou muito animado para voltar ao trabalho tendo mais confiança e menos nervosismo sobre a nova experiência”, disse o ator.

Lembrando que as datas dos dois últimos filmes são:

  • A Série Divergente: Convergente PARTE 1 – 18 de Março (2016)
  • A Série Divergente: Convergente PARTE 2 – 24 de Março (2017)

Já estamos muito animados! Com certeza o filme será destruidor de corações 😀


Postado por: Matheus Fabbris //

Allegiant


05.12 Robert Schwentke, diretor de Insurgente, retornará para Convergente – Parte 1

DBRR

O diretor da sequência de “Divergente”, Robert Schwentke, irá retornar ao leme ao menos na primeira parte do final da série: Convergente Parte 1.

Existe um sinal de confiança em Schwentke, que está atualmente trabalhando na pós-produção de Insurgente, que será lançado no Brasil em 19 de março de 2015. Os membros do elenco, incluindo Shailene Woodley, Theo James e Kate Winslet estão voltando às telas, enquanto novatos serão incluídos ao filme, como Octavia Spencer e Naomi Watts.

Woodley interpreta Tris Prior, uma adolescente que vive em uma Chicago futurística e descobre que ela é Divergente – alguém que não se encaixa em nenhuma das rígidas facções que a sociedade segregou, que são todas baseadas nas virtudes das pessoas.

Noah Oppenheim, que também roterizou a adaptação jovem adulta “Maze Runner: Correr ou Morrer”, está adaptando a primeira parte do final da série, “Convergente”, a qual, como Harry Potter e Crepúsculo, foi dividida em dois filmes.

Depois de uma abertura de $54 milhões de dólares domesticamente, Divergente fez 116 milhões nos Estados Unidos e 139 milhões no extrangeiro.

“Convergente Parte 1” lançará em 18 de Março de 2016, com a parte 2 programada para um ano mais tarde.

FONTE


Postado por: Anderson Vidal //

Allegiant


12.05 Cena deletada do livro Convergente (Allegiant)!

Untitled-12

Isso mesmo! Uma loja estava vendendo o livro Allegiant, em sua versão original, com uma cena extra, que foi deletada do terceiro e último livro da trilogia Divergente. São 8 (oito) páginas e podemos descobrir muitas coisas importantes sobre as tatuagens, medos, Tori e muito mais. Super interessante!

SE VOCÊ AINDA NÃO LEU ‘CONVERGENTE’, CUIDADO! O POST CONTÉM SPOILERS. 

Confira as fotos originais do livro e a tradução do Divergente Brasil logo em seguida.

(Clique para amplicar)

1 2 3 4

5 6 7 8

TRADUÇÃO:

“Essa cena acontece um pouco antes que Tris, Tobias e os outros deixam a cidade pelo mundo a fora. Nele, Tori reuniu um grupo da Audácia para comemorar sua antiga facção, fazendo tatuagens dos seus ‘números de medos’ originais, desafiando o novo regime dos Sem-facção. Eu cortei essa parte para resolver a morte dos personagens, mas inicialmente eu escrevi porque estabelece muitos personagens e dinâmicas e emoções em um espaço pequeno, e é a ultima comemoração dos membros da Audácia, meio que terminando a série. Talvez você reconheça umas partes dele – algumas das informações nessas passagens estão espalhadas pelo livro.” -Veronica Roth

TRIS
Tori, que está carregando uma pequena caixa de papelão, coloca-a no chão e sobe em uma das mesas. Então ela levanta a mão, buscando silêncio. Ele vem devagar e em pedaços.
— Marquei essa reunião em parte para jogar na cara de Evelyn Johnson… — comemorações — e em parte por outra razão.
Ela alcança a caixa em seu pé e tira uma agulha de tatuagem.
— Para criar algo que nos mantenha juntos — Ela segura a agulha em ambas as mãos, tão gentil quanto se estivesse segurando uma criança.
Os membros da Audácia se juntam em fila rapidamente. O tempo junta enquanto passa. Eu fico mais e mais ciente do que estamos prestes a fazer esta noite. Sair da cidade. Quebrar a lei. Talvez nunca retornar. Encontrar o mundo lá fora. Ouvir as respostas de todas as nossas perguntas.
Somos mesmo apenas experimentos? Há quanto tempo está aqui fora? Você esteve nos assistindo? O que querem de nós?
E, para mim, a mais importante: Quem é Edith Prior?
Christina retorna da fila da tatuagem com o numero 13 em seu braço. Eu noto umas pequenas formas flutuando sob o 3, e ela me da um sorriso maligno.
— Mariposas, — ela explica. — Durona como bola de algodão, certo?
Eu rio, e então imagino se posso rir, pois foi isso que Will falou quando descobriu que ela tinha medo de mariposas. Mas acho que, depois que alguém morre, está tudo bem sentir o que você sente. E Christina ainda está sorrindo.
— É bom pensar nisso, — ela diz enquanto senta do meu outro lado. — Sabe?
Concordo, e mesmo que eu seja uma ‘careta’ e eu não faço essas coisas, eu seguro sua mão e aperto.
Tobias e eu estamos na fila do Bud, Shauna manobra sua cadeira de rodas para a fila de Tori, na frente de Zeke. Checo meu relógio. Temos algumas horas até executarmos nosso plano de fuga – não era minha intenção gastar essas horas esperando por uma tatuagem, mas talvez é assim que vai ser.
— Eu realmente vou sentir saudades daqui, — digo.
— Sério? — Ele indaga. — Meus pensamento são mais como, ‘Aleluia.’
— Você não vai sentir falta de nada? Nenhuma memória boa? — Eu dou uma cotovelada nele.
— Tudo bem, tem algumas. — Ele sorri.
— Alguma que não me envolve? — Digo. — Isso soa meio egocêntrico. Mas você me entendeu.
— Claro. Eu acho. — Tobias encolhe os ombros. — Digo, eu consegui ter uma vida diferente aqui, um nome diferente até. Aqui sempre fui Quatro, graças ao meu instrutor. Ele que inventou esse apelido.
— O legendário Quatro.
— De fato. — Ele espalha seus braços abertos. — E quão sortuda você é por estar em minha presença.
Eu o cutuco nas costelas com meu braço.
— Por que eu não conheci esse instrutor?
— Porque ele está morto. — Tobias diz “morto” como se fosse apenas outra palavra, mas seus olhos encontram os meus e posso dizer que isso é qualquer coisa menos um tópico casual. — Amar era Divergente.
Toco seu braço, gentilmente, mas não há muito a dizer. Ele se mexe como se estivesse desconfortável.
— Viu? — Ele diz. — Muitas memórias ruins aqui. Estou pronto para ir embora.
Ficamos quietos por um instante, e isso é confortável, o que é estranho pra mim. Usualmente, o silencio está carregado com todas as palavras que as pessoas não dizem, ou não conseguem encontrar uma forma de dizer, mas com ele, sinto que minha presença é o bastante.
Nos movemos cada vez mais perto da agulha de tatuagem, e quando estamos a alguns pés de distancia, Tori diz sem levantar a cabeça.
— Vocês dois, venham pra minha fila.
Fico nervosa, mas não quero que ela saiba que tenho medo dela, então faço o que ela diz.
Vou antes de Tobias, e quando Tori termina com a mulher da Audácia que estava na minha frente, ela enrola os dedos pra mim.
— Sua vez.
Ela troca a agulha antiga por uma nova, e prepara a tinta. Suas mãos estão nuas e são pequenas, duras como qualquer mão que eu já vi. Elas quase parecem estar descansando no ar, como se estivesse em uma mesa, sem movimento.
Sento a frente dela.
— Pode vem mais perto, sabia, — ela diz, — Não vou morder. — Ela inclina sua cabeça. — Oh, espera. Eu fiz essa, não foi?
Eu vou mais perto.
— Sei que seu ombro já está cheio, então você pode escolher um lugar diferente, — ela diz, e sua voz é inesperadamente macia. Seus olhos, que se curvam gentilmente pra baixo, encontra os meus.
— O.k. — Eu digo.
— Seu número? — ela diz. — Ou a melhor aproximação dele?
Meu número de medos, quando fui para a Paisagem do Medo durante a iniciação, era sete. Mas tenho os mesmos medos agora, dos que eu tinha na iniciação? Ainda tenho medo de ser responsável pela morte da minha família, quando eles já se fora,? Ainda tenho medo de estar com Tobias, daquela forma?
— Se estiver tendo problemas, pense na tatuagem como uma memória dos seus medos como uma iniciante da Audácia, — diz Tori. — O número pode mudar, mas a memória sempre será a mesma e é isso que está gravado, não a quantia de seus medos.
Assim é mais fácil.
— Meu número era sete.
Ofereço meu braço a ela, e ela limpa meu antebraço com anti-séptico, e então, toca a agulha na minha pele. Estou acostumada com o espetar da agulha e da dor que enche meus olhos de água. Não tenho nem que olhar pro lado dessa vez. Apenas observo a agulha se mover, e sua mão limpando o excesso de tinta, e minha pele ficando vermelha ao redor. Ainda não gosto do som que ele faz – tipo o som de abelhas.
— Aparentemente, você não precisava da Jeanine viva, — Tori diz rapidamente. — Você não precisava dela viva pra mostrar o vídeo.
— Não sabia disso naquela hora.
— Ou uma parte de você não queria saber. Queria deixa-la viva.
— Estou feliz que ela está morta.
— Hmm.
— Ei — digo severamente, então ela pausa, levanta a agulha. — Eu a odiava. Estou feliz que ela está morta. Você não é a única a ter vidas tiradas por ela, então para de agir como tal.
Ela não responde. Em vez disso, ela volta pra tatuagem, traçando cada linha, enchendo os espaços entre elas. Quando ela termina, a pele envolta do numero 7 está vermelho claro, mas não dói muito. Ela faz um curativo e percebo que a sala está quieta. Bud está guardando seus suprimentos, e Tobias está atrás de mim, ele é o ultimo da fila. O silencio é pra ele.

 

TOBIAS
— Todos nós sabemos seu número Tobias Eaton, — diz Tori.
Ainda sinto uma pitada de vulnerabilidade quando alguém fala meu nome em voz alta, como se fosse uma palavra proibida. Por um longo tempo pertencia apenas a mim, até que eu dei para Tris, mas ai a Franqueza alcançou ele com o soro da verdade, e agora pertence a todos.
Minha camiseta tem mangas longas que são coladas ao redor do pulso, então eu as puxo pra cima tão rápido quanto possível – para o meu cotovelo – e sento, oferecendo minha pele vazia para ela marcar. Ja estou quente de vergonha, nessa sala que não deveria estar em silencio, mas está. Ela levanta o cotovelo pra mim.
— Não lembro de ter colocado uma tatuagem em seu braço, — ela diz, dando um tapa no meu ante-braço. — Vamos, deixe-nos ver esse belo trabalho que eu fiz nas suas costas.
Ela me perguntou, uma vez, porque eu fiz tantas tatuagens se eu sempre as deixaria cobertas, mesmo no calor do verão, quando a maioria da Audácia usa poucas roupas. Eu não a dei uma razão, mas ainda me lembro – queria as tatuagens para cobrir todos os lugares que ele me machucou.
Muitas pessoas odeiam cicatrizes, mas antes que eu me juntei a Audácia, eu sempre quis ter algumas. Eu queria ter lembretes que, enquanto as feridas saram, elas não desaparecessem para sempre – nos carregamos elas pra todo canto, sempre, e esse é o jeito das coisas, das cicatrizes. E eu fiz as tatuagens, ao invés disso.
E eu escondo elas, porque eu não quero que as pessoas vejam essas feridas, mesmo que elas não saberão o que estão olhando.
Eu enrolo os dedos em volta da bainha da minha camiseta e puxo ela pela cabeça. Sento reto, minhas costas para a sala, as chamas dos meus lados expandindo e contraindo com minha respiração apressada. Tori limpa a pele no meu braço e sinto que minha pele aquece mais a cada segundo que eles passam olhando pra mim.
São silenciosos enquanto ela desenha o número, e no começo sinto que seu silencio é cruel. Mas enquanto ela desenha as ultimas linhas em mim, eu percebo que os membros da Audácia gritam quando sentem companheirismo, e são silenciosos quando respeitam. Para eles, ainda sou o homem com quatro medos.
Olho abaixo, para o 4 enquanto ela faz o curativo, e percebo que essa, diferente das outras tatuagens, é algo que tenho orgulho de carregar para todo lugar, orgulho até de carregar para fora da cerca, para qualquer coisa que venha a seguir.

Gostaram? A Veronica Roth não deveria ter deletado. Achamos demais! 😀

  • Tradução e adaptação por: Divergente Brasil
  • Caso utilize o texto, por favor, forneça os devidos créditos.

Fonte


Postado por: Matheus Fabbris //

Allegiant


Lionsgate sobre Convergente dividido e marketing de Insurgente

ale

O Hollywood Reporter recentemente entrevistou os chefes da Lionsgate Patrick Wachsberger e Rob Friedman que discutiram sendo confidenciais sobre dividir Convergente em dois filmes. Mês passado, o anúncio saiu sobre o final de Divergente ser dividido em duas partes. Ultimamente, parece que dividir finais de séries joven-adultas em dois filmes se tornou costume. Houveram sucessos antigos e recentes com esta decisão, como os finais de Harry Potter e Crepúsculo, e recentemente com “Jogos Vorazes: A Esperança” parte um e dois.

Wachsberger e Friedman disseram que a divisão de Allegiant é uma boa decisão porque despedidas levam mais tempo.

“Uma das coisas que percebemos no último livro [de qualquer série] é que muitos finais estiveram sendo muito bem feitos,” disse Friedman. “Eles tendem a ser muito densos. E sentimos o mesmo com Convergente. Tem mais material que o necessário para fazer dois filmes substanciais e satisfatórios.”

Agora que Divergente se tornou uma franquia estabilizada com os 250 milhões de dólares arrecadados pelo mundo no seu primeiro filme, estão comentando que o marketing com a aproximação da sequela, Insurgente, será diferente.

“É obviamente uma história diferente [que Divergente], e nós não temos que começar do zero, explicando sobre o que Divergente é. O segundo filme tem muito mais ação, então iremos à uma direção diferente.”

Os próximos filmes da franquia chegam em 2015, 2016 e 2017. Insurgente, o próximo, começa suas filmagens nas próximas semanas na direção de Robert Schwentke.


Postado por: Anderson Vidal //

Allegiant, Insurgente


11.04 Filme de Allegiant será dividido em duas partes!

ale

 

Foi anunciado que Allegiant – ou Convergente, será divido em duas (2) partes, sendo a primeira para 18/03/2016 e a segunda para 24/03/17. Os dois filmes servirão para aprimorar o desempenho das cenas, bem mais completo!

Confira as datas oficiais dos filmes:

  • Divergente – 21 de Março (2014)
  • Insurgente – 20 de Março (2015)
  • Allegiant – 18 de Março (2016)
  • Allegiant PARTE 2 – 24 de Março (2017)

O que acharam da notícia? Nós adoramos! Teremos Divergente bombando até 2017 😀

10009301_525865484189898_8774072814490418352_n (1)


Postado por: Matheus Fabbris //

Allegiant, Filme


01.02 [SPOILER] Theo James fala sobre o final de “Convergente”!

tj

ATENÇÃO: O POST CONTÉM SPOILERS DO LIVRO CONVERGENTE, SE VOCÊ AINDA NÃO LEU, POR FAVOR, NÃO CONTINUE A MATÉRIA! 

Nosso querido Theo James quebrou o silêncio e falou sobre o final tão comentado de ‘Convergente’, terceiro e último livro da trilogia Divergente. Confira:

Theo James diz:  “O conceito de altruísmo percorre por toda a série, então a maneira mais natural de se terminar a estória parecia ser o auto-sacrifício. Há todo aquele cruzamento com o grande Jesus, o que você vê um pouco presente nesse senso de Abnegação e de se doar por um bem maior”, ele continua. “Eu acho que foi o final mais natural”.

Mas e sobre a Shailene Woodley?

“Ela gostou, de certa forma”, ele nos conta. “Ela também sentiu que fosse natural, em termos do arco histórico da personagem. No segundo livro [Insurgente], ela está constantemente se sacrificando, a ponto de que o meu personagem [Quatro] fica profundamente frustrado com isso e fala ‘Não é assim’. Mas se foi assim no segundo livro, você sente que provavelmente era daquela maneira que seria o final.”

O que acharam sobre as considerações do Theo James? 😀

BfBrYQFCIAAupYc

Fonte


Postado por: Anderson Vidal //

Allegiant, Entrevista


31.01 Rocco divulga primeiros capítulos de Convergente

Untitled-12

A Editora Rocco divulgou hoje o primeiro e segundo capítulo do desfecho da trilogia Divergente: Convergente. os capítulos têm suas narrativas narradas por Tris e Tobias, respectivamente, e dão o pontapé inicial a uma história eletrizante, surpreendente e emocionante. Confira os capítulos aqui.


Postado por: Anderson Vidal //

Allegiant