“A SÉRIE DIVERGENTE: ASCENDENTE” NÃO SERÁ DIRIGIDO POR ROBERT SCHWENTKE CORRE! ASSISTA AO TRAILER FINAL DE “CONVERGENTE” + PRIMEIROS SPOTS SHAILENE WOODLEY, THEO JAMES E MILES TELLER FALAM SOBRE TERCEIRO FILME EM ENTREVISTA CONFIRA IMAGENS INDIVIDUAIS DOS PERSONAGENS EM “CONVERGENTE” E NOVO PÔSTER DO FILME VEM VER! NOVOS STILLS INCRÍVEIS DE “CONVERGENTE” SÃO DIVULGADOS
13.11 SOCORRO! Assista ao primeiro trailer completo de #Convergente

Untitled-12 - Copia333333

Ontem (12) foi divulgado uma prévia do trailer e os primeiros pôsteres do filme e foi uma loucura e muitas emoções. Mas hoje, a destruição será maior ainda pois poderemos conferir algo que estamos esperando há muito tempo: o primeiro trailer completo de #Convergente.

Não sabemos lidar, apenas sentir! O trailer mostra todos os personagens e aborda o plot principal do livro. São muitas cenas para analisarmos, então não pisquem! Está tudo muito maravilhoso!

Com muitas cenas de ação e após nos deixar sem fôlego, já podemos dizer que o longa tem potencial para superar os dois primeiros filmes da franquia. Assista agora:

Lembrando que os capítulos finais da Série Divergente, que seriam chamados Convergente – Parte 1 e Convergente – Parte 2 ganharam novos nomes! O penúltimo capítulo da saga será nomeado “Convergente” e o último “Ascendente“. Clique aqui e entenda.

A Série Divergente: Convergente chega aos cinemas brasileiros em 17 de março de 2016.

PÔSTER OFICIAL + STILLS

Link permanente da imagem incorporada

CTs35A5WEAEKFhy (1)

Link permanente da imagem incorporada

Link permanente da imagem incorporada

Link permanente da imagem incorporada

Link permanente da imagem incorporada


Postado por: Matheus Fabbris //

Convergente

COMENTÁRIOS:
  • Victor Gazolla

    Pera… Aquilo é uma cicatriz no olho da Johanna?

    • Ester Grabe

      leia o livro e entenda

  • Eu devo ter uma memória péssima, porque nada nesse trailer me lembra nada do livro que eu li. Será que eu to ficando louca???

    • William Labner

      Não Bianca, não está louca, pois eu também não vi absolutamente nada semelhante ao livro, infelizmente. Não me venham com esse lenga lenga de que tenho que ter a mente aberta pois é uma adaptação. Não! Não tenho! Jogos Vorazes, A Culpa é das Estrelas, Cidades de Papel, todos tiveram algumas alterações mas no fim a essência e boa parte do livro foi mantida. Claro que dois minutos de trailer não explicam duas horas de filme, mas é lamentável ver o quanto essa impressionante trilogia está se perdendo a cada filme lançado, uma pena mesmo!

    • Taisa Fernanda

      O filme é baseado no livro, o que quer dizer que não segue exatamente igual (fiquei tentando lembrar de veículos voadores no livro). MAS, é legal tentar ver tudo de uma forma diferente.

      • William Labner

        Eu entendo seu ponto de vista Taíse, mas poxa, olha o caso de um filme que eu gosto muito, Tomb Raider, baseado numa série de jogos. A produtora não pegou o enredo de um jogo e fez um filme baseado naquele jogo, só usou a personagem Lara Croft e suas características e criou uma nova estória sobre a heroína. Quando uma produtora decide basear um filme em um livro e assim como em Divergente, segue praticamente fiel ao roteiro original, é de se esperar que os próximos sigam mais fielmente, não concorda?

    • Amanda

      Pois é… Realmente Bianca. Divergente me deixou apaixonada, filme idêntico ao livro, insurgente me decepcionou eternamente, espero convergente ser diferente de insurgente, mas será difícil só pelo trailer já vó que não é nada do que eu imaginei quando li o livro

  • Dani Marques

    Gente, só eu encontrei coisas do livro no trailer? Mas eu nunca me importo com mudanças, como aconteceu bastante com os filmes de Maze Runner, por exemplo, então sou pouco qualificado pra falar sobre isso. Eu gostei muito do trailer! O visual futurista, a caracterização dos personagens, os efeitos visuais, achei tudo muito f*da! Só espero que o filme seja tão f*da quanto. o/

    • William Labner

      Quais partes Dani?

      • Dani Marques

        Tipo, as coisas que eu encontrei foram mais gerais. Eu percebi o trailer como um resumão do livro (o que eu achei estranho, já que serão dois filmes…), eles saem da cerca, encontram o povo de fora, Evelyn tenta manter mais gente dentro da cerca… Só a partir da parte em que a Tris fala que eles têm que salvar a cidade foi que eu achei que mudou muito o que acontece no livro. Mas, como eu já escrevi, não tenho problemas com mudanças, então que venha março/2016. 🙂

        • William Labner

          Ah sim, esses elementos também tinha percebido, David, Nita, o complexo, os habitantes além da certa; felizmente essas partes continuam. Mas eu fico com muito receio das mudanças desvirtuarem toda a essência do livro. Sei que uma adaptação as vezes não pode seguir a risca o conteúdo do livro, mas tentar se manter o mais fiel possível acho válido. Afinal os livros agradaram muita gente, o filme também conseguirá esse feito!

        • William Labner

          Ah, e como você disse, que venha 2016, kkkkk.. apesar de estar com o pé atrás, não vou deixar de conferir! 😉

  • Feliip

    o filmes estar muitttooo bom porem muito diferente do livro estava ancioso pela parte do aviao e agr a tris pilota uma nave! entao ta ne paris filmes!

    • William Labner

      Ontem mesmo comentei isso com uma amiga. Uma das partes que eu mais curti na primeira e entediante parte do livro era a do avião. Onde Tris aprendeu a pilotar, fez download de conhecimentos direto no cérebro como em Matrix? Interessante como os filmes encaram a divergência. Um divergente ganha poderes especiais, Tris daqui a pouco vai soltar um kamehameha! u.u

      • Aanna

        uma coisa. responde duas coisas para mim por favor; Vc leu a trilogia toda? e quantas vezes? o que é realmente ser fã de divergente para você—?

        • William Labner

          Sim Anna, li os quatro livros (Quatro também vale, pois complementa muito o primeiro livro) e gostei muito da franquia, tanto que outras três pessoas além de mim começaram a ler e se interessar por minha indicação. Mas nem por isso preciso me fazer de cego e não perceber os equívocos que a escritora cometeu em algumas partes do enredo. Com todo respeito, ser fã pra mim não é abraçar e aceitar tudo que me é dado por determinado livro/ator/cantor, mas sim ter um senso crítico e reconhecer que erros não intencionais são cometidos, infelizmente. Não aceitar algumas situações apresentadas na saga não me faz menos fã que ninguém!!